Hayley Williams se despede das redes sociais em nova publicação

Pelo Twitter e Instagram, Hayley compartilhou um texto no qual fez um desabafo sobre sua saúde mental, a era After Laughter e revelou um novo afastamento das redes sociais. Confira traduzido abaixo!

Ei amigos. É época de festas… mas eu estou trabalhando bastante de casa. Principalmente no meu projeto paralelo Good Dye Young que, por ora, é na verdade minha principal vadia. Tem… um monte… de coisas acontecendo. É emocionante e também é demais.

Pelo bem disso, eu vou contar para vocês que a vida ainda está bem musical agora e é legal fazer coisas para ninguém mais ouvir. Não estou planejando abandonar a música por cabelo, caso alguém esteja começando a se perguntar.

A principal coisa que venho ponderando ultimamente é ter mais uma pausa prolongada das redes sociais. Já faz um tempo, desde o verão de 2015, e eu sinto no meu corpo e mente que está na hora de novo.

Eu sou cuidadosa em não sensacionalizar problemas envolvendo a saúde mental, uma vez que é uma conversa sensível e cheia de camadas para cada pessoa individualmente. No entanto, sinto que é realmente importante esclarecer que enquanto eu tenha falado abertamente sobre minha saúde mental durante o After Laughter, eu nunca conseguia admitir completamente nem ir atrás de um diagnóstico verdadeiro para os meus problemas até recentemente. Estou trabalhando bem pesado em me tornar forte para mim mesma. Sou muito grata pelas pessoas que mantiveram essa conversa segura e sagrada para mim nos últimos dois anos. Até mesmo alguns jornalistas ou pessoas com quem trabalhamos durante o ciclo do álbum… e especialmente aos fãs do Paramore.

Se você lida com depressão ou qualquer outro tipo de estresse pós-traumático, por favor, leve isso a sério e tente de verdade lembrar que isso não é quem você é mas é um efeito bem comum do mundo ao qual estamos expostos e das vidas que tentamos tanto levar. Você certamente não está sozinho. Não apenas eu tenho isso, mas milhões de pessoas – talvez até mesmo pessoas que você já é próximo – estão lidando com esses mesmos problemas mentais ou emocionais. É importante fazer o que você pode para achar uma solução que funcione pra você. Seja terapia, medicação, lutar contra a tendência de se isolar e pedir para pessoas que você confia para te manter responsável por algo (ou te manter engajado em relacionamentos). Eu sei que é muito popular dizer “tudo bem não estar bem”… mas por favor, me dê a graça de admitir que como estou rapidamente me aproximando dos 30 eu simplesmente não estou bem com não estar bem mais. Eu aceito sim minhas “feridas” emocionais ou psicológicas e eu não tenho mais vergonha. Eu entendo que cada uma delas pode ter um propósito, mesmo que alguns desses propósitos ainda não estejam claros. Mesmo assim, eu estou interessada em viver uma vida muito mais completa do que apenas “bem” jamais poderia oferecer. Eu acho que você vale mais do que o “bem” tem a oferecer também.

Então, o negócio é o seguinte: eu não estou desaparecendo completamente – você pode me achar nas redes sociais da @gooddyeyoung até que se diga o contrário. Eu literalmente (lê-se: fisicamente) vou ao trabalho nos nossos escritórios em Nashville durante a semana e planejamos continuar sendo bem engajados e ativos com as redes sociais conforme aumentamos a marca. A equipe fantástica de gerenciamento da banda ajudará a manter minhas contas pessoais atualizadas com qualquer coisa importante envolvendo os caras e eu (Paramore), a GoodDyeYoung ou até mesmo eu. A maioria dessas atualizações virão de mim pessoalmente, apenas não será eu que estarei postando eles.
Por favor, se cuidem e tentem acreditar que vocês valem mais do que apenas “bem”… ou “estive melhor”… ou “não posso reclamar…”. Eu acho que nós todos merecemos experimentar alegria. Nós merecemos sentir esperança.

A última coisa que direi para tirar o meu da reta e não soar como uma hipócrita em uma sociedade pós-After Laughter é: alegria é mais profunda do que um sorriso. Para mim, pelo menos. Esperança não é passar cegamente pela vida sem nunca tropeçar em alguma dúvida. Você não precisa usar um sorriso falso para fazer outras pessoas se sentirem confortáveis enquanto elas estão passando. Você pode ter depressão e tirar todo o tempo que precisar para melhorar. Você pode ter dias ruins e relapsos de desesperança. Você pode carregar dor E TAMBÉM a possibilidade para recuperação (e mais?!) ao mesmo tempo. Alegria é mais profunda do que um sorriso. Para mim, pelo menos. É para isso que eu estou lutando. Sim, claro, é a jornada de uma vida toda e tal, mas bem… aqui vai.
Continuem ousando, Srtª Williams.

Anteriormente, Hayley compartilhou uma carta em agradecimento à era After Laughter:

“Aos meus melhores e mais antigos amigos, Taylor + Zac, obrigada por serem música para minhas palavras – pensamentos e medos e apostas e amor.
T – um verdadeiro confidente transbordando com melodia e tom + síncope que me deixa ver o mundo inteiro em explosões de cor e textura, mesmo nos dias mais sombrios.
Z – um ritmo muito estável mas nunca maçante em minha vida. O tempo que passamos separados apenas permitiu reconhecer mais minha necessidade pela sua alegria, que é amor e facilidade de dançar junto.

Obrigada – a qualquer um – por apoiar esse álbum. Significa muito. Claro que sim. Espero que tenha ajudado de alguma forma a confortar você em tempos que não eram muito confortáveis. Espero que possa continuar [confortando]. Espero que você consiga ler essa caligrafia que Deus me livre.
Vejo alguns de vocês muito em breve onde poderemos dançar – as nuvens de chuva que se fodam! – e celebrar juntos, nossa vida, com AL.
Hayley 🙂
AFTER LAUGHTER

Tradução e adaptação: equipe do Paramore BR